Aposentado em Portugal – Dicas quentes para brasileiros (2022)

by Redação da 50plusAbroad


Atualmente várias pessoas estão escolhendo Portugal como destino para desfrutar sua aposentadoria, especialmente os brasileiros. Mas qual será o motivo que tem feito tantas pessoas quererem morar como aposentado em Portugal?

Se você também se já se fez ou faz está pergunta, saiba que não é difícil entender o porquê disto acontecer. Além de proporcionar diversos benefícios aos habitantes, Portugal é também o país europeu que mais facilita a entrada de estrangeiros.

Continue lendo esse artigo e confira tudo o que precisa saber sobre morar em Portugal sendo aposentado. Veja também algumas dicas quentes para brasileiros que pensam em viver sua aposentadoria neste país. Confira!

E caso precise cuidar da saúde, nossos planos de saúde internacional foram criados especialmente para quem planeja se mudar para o exterior com a saúde protegida.


O melhor checklist para aposentados que desejam viver no exterior

aproveite. é completamente grátis!

Tudo sobre aposentado em Portugal

Existe diversos motivos que levam uma pessoa a querer viver como aposentado em Portugal. O menor custo de vida do continente, assim como o clima tranquilo e a segurança são alguns deles.

Além disso, o país lusitano também conta com praias belíssimas e incentivos do governo, como isenção de impostos, por exemplo. Tudo isto, acaba tornando a moradia no país ainda mais atrativa para aposentados.

Para os brasileiros, os benefícios de morar como aposentado em Portugal são ainda maiores. Isso porque o País é o que mais se assemelha culturalmente ao Brasil. Ele possui o idioma semelhante ao brasileiro, o que facilita a comunicação no território português. Além disso, Portugal apresentam políticas específicas para idosos e sistema de saúde com preços acessíveis.

Como fazer para aposentado morar em Portugal

Para morar como aposentado em Portugal é necessário apenas obter o visto de residência. Este documento serve como uma autorização do Governo de Portugal para permanecer no País.

No entanto, para conseguir o visto de residência é necessário que o aposentado comprove uma renda mínima. E esta deve ser igual ou maior ao salário mínimo vigente em Portugal.

Além disso, para cada membro da família que for para este país junto com o aposentado, será exigido do próprio aposentado um acréscimo no valor da renda mínima comprovada.

Este acréscimo varia de acordo com a quantidade de agregados familiar. Mas, no geral, o valor gira em torno de 50% a mais para o conjugue e de 30% para filhos menores de idade.

viver aposentado em portugal

Visto para aposentado em Portugal

O visto mais indicado para morar como aposentado em Portugal é o D7. Este é um visto de residência que se destina especialmente a aposentados que podem comprovar a renda, bem como pensionistas e para quem vive de rendimentos ou aplicações financeiras. Já o prazo para aprovação é de 60 dias e caso seja aprovado, basta se encaminhar até o Consulado indicado para retirar o visto.

Visto de aposentado em Portugal

Recentemente o Governo de Portugal inseriu a abertura de uma conta em um banco português como um novo requisito para a retirada de vistos. Portanto, antes de solicitar o visto é necessário abrir uma conta bancaria em Portugal. Feito isso, para retirar o visto como aposentado em Portugal basta seguir as próximas etapas descritas abaixo:

  • Acesse o site da VSF Global (empresa responsável) clicando neste link aqui;
  •  Nesta página selecione a opção "Como solicitar o seu visto" pois lá consta todas as informações destalhadas;
  • Preencha corretamente o formulário para solicitação do visto disponível na página ou clicando link acima.
  • Agora separe os seguintes documentos indispensáveis para a solicitação do visto: 2 fotos 3x4 coloridas, Passaporte original e uma cópia com validade de três meses após a data de regresso, seguro de viagem com validade de um ano, certificado de antecedentes com apostila de Haia e Requerimento para consulta do registro criminal;
  • Além disso, você vai precisar de comprovantes de renda do benefício do INSS e comprovantes de alojamento ou residencia em Portugal.
  • O próximo passo é enviar o formulário e os documentos citados para a Central de Solicitação da VFS e aguardar a aprovação do visto.

Caso ainda tenha dúvidas e deseja analisar com mais detalhes toda a documentação necessária para a solicitação de visto basta clicar neste link. Além disso, o pedido de visto inclui uma taxa no valor de R$500,00.

seguro saúde internacional

Plano de Saúde Internacional

seguro saúde internacional adaptados às suas necessidades

Aposentado brasileiro em Portugal

Além das dúvidas referentes a retirada de visto, outra questão comum sobre morar como aposentado em Portugal é em relação ao recebimento da aposentadoria em terras portuguesas.

Para receber o benefício do INSS em Portugal, o aposentado deverá comparecer ao Consulado de Portugal. E realizar o procedimento de prova de vida nessa instituição.

Além disso, o aposentado brasileiro deverá arcar com as taxas referentes as transações bancarias para receber o benefício em Portugal. E também com o desconto de 25% sobre a aposentadora para recebimentos no exterior. Já as formas que o aposentado brasileiro tem de receber o benefício do INSS em Portugal são as seguintes:

  • Receber a aposentadoria diretamente em um banco português;
  • Realizar transferência de um banco do Brasil para um banco em Portugal;
  • Solicitar a Previdência Brasileira a transferência para a Previdência de Portugal.

Aposentado pode morar em Portugal?

Sim! Além do aposentado poder morar em Portugal, a família do aposentado também pode acompanhar o aposentado por meio do reagrupamento familiar. Esse processo é valido tanto para aposentados casados quanto para aposentados com união estável e se estende para os filhos. No entanto, nestes casos, ocorre o acréscimo na renda mínima do aposentado.

Aposentados brasileiros em Portugal 2022

Tendo o visto aprovado e a cidade escolhida, o próximo passo é apenas embarcar para a cidade portuguesa, certo?

Mas o que deve ser feito após chegar em Portugal? A primeira coisa a se fazer estando em Portugal é solicitar ao Governo Português a Autorização de Residência, que é um documento que permite que o aposentado viva regularmente no País.

Vale dizer que assim como qualquer outro documento, a Autorização de Residência deve ser renovada de acordo com a data de validade. Além disso, já em Portugal, o aposentado deverá começar a se adaptar para se enquadrar nas leis e documentos do País português.

Como morar em Portugal sendo aposentado

Entre os demais documentos necessários para morar em Portugal como aposentado, estão o NIF e o NISS. Alem disso, para os que dirigem é necessário realizar a troca da CNH pela carta de habilitação portuguesa e também trocar a região do título de eleitor. No entanto, entre esses documentos, os que devem ser providenciados de imediato são o NIF e o NISS:

  • NIF: Equivalente ao CPF brasileiro, refere-se ao número de contribuinte.
  • NISS: Equivalente ao INSS brasileiro, é um documento necessário para aposentados ativos ou pessoas com rendimentos fixos e que possuem o visto D7.

Morar em Portugal como aposentado

Portugal é o destino perfeito para os aposentados que desejam curtir a aposentadoria em paz e com praias exuberantes ao redor. Ou ainda que desejam fazer longas caminhadas ao ar livre com paisagens bucólicas e aproveitar de comidas incríveis e ótimos vinhos.

Além disso, é um País que permite que os aposentados vivam com muita qualidade de vida e bem-estar! E aí, gostou de saber como morar em Portugal como aposentado? Ficou com alguma dúvida? Então baixe grátis nosso E-Book com dicas para orar em Portugal agora mesmo. Aproveite, é grátis!

Viva aposentado em Portugal

saiba o que fazer para morar aposentado em Portugal

Nós te ajudamos em todas as etapas até sua emigração

Temos soluções completas para aposentados e donos de renda passiva que desejam morar no exterior. Podemos te ajudar com nossas ferramentas e serviços.

>